Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios



Desejada Mulher

Aí mulher desejada te amo tanto 
Festejado corpo, seja me Deus bondoso 
Na loucura me levas ao gozo 
Todos os dias em sonho e encanto.
 
Puta que pariu que mortal quebranto 
Nem em sonhos consigo repouso 
Sei quanto o amor é poderoso 
Quão puro, profundo, meigo e santo.
 
E se de tortura não desistes
Bate, castiga e mais me aperte
Imploro te que me conquistes.
 
Me usa e abuso em profano converte 
Eleva aos céus os meus olhos tristes
Com amor, sem tortura vou bendizer-te.
 

Bonus, gostei muito do resulatdo e estava sem ferramentas de edição, castigado pelo erro do RL,  e ficou o texto lá atras perdido, dose dupla, curtam, belo dia obrigado pelo carinho da visita e coments, abraço meu .
Repostado com imagem, divido obrigado!

 
Enviado por Judd Marrriott Mendes em 27/11/2017




Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras