Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios



Meu corpo te pede

Meu corpo o teu demasiadamente pede
Teu coração o meu intensamente implora
Menina lua eu estou na sua, a mim cede
Te quero neste instante não demora.

Teus desejos primeiros te entregam
Palavras desmedidas bastante perdidas
Preciso te falar coisas que fumegam
Em sussurros no ouvido encolhidos.

Te amo a cada instante
Com todas as tuas fases
Estejas cheia ou minguante
Deixa para lá os amores fugazes.

Te dou um anel de coco
Poe o meu anel no dedo
Deixa para lá me deixar louco
Enterra todo o teu medo.

Eu só preciso lhe falar
O céu é pouco para nós dois
Nunca te farei chorar
Não me deixa para depois.
 

O Mestre Trovador das Alterosas mandou uma linda
interação que carinhosamente agradeço e divido,


Um anel de coco ou madeira
Poderia ser ouro de valor
Não importa, minha doideira
É seu corpo nu, e seu amor.

    
Trovador das Alterosas
 
 
Enviado por Judd Marrriott Mendes em 18/11/2017




Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras