Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios

Amo Sonetos, Sonhos & + interaç.-Mestre Jacó Filho
Data: 24/04/2019
Créditos:
Mestre Jacó Filho





Visite o mega poeta Mestre Jacó Filho

https://www.recantodasletras.com.br/sonetos/6628664
AMO SONETOS & + interações com o mestre JRPalacio
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

AMO SONETOS & + interações com o mestre JRPalacio

              AMO SONETOS

Escrevo sonetos porque amo o estilo,
E vem de Deus os anjos inspiradores...
Falo de aventuras, trabalho e amores,
E de cupidos, que devem distribuí-los...

Inspiração divina meu dom, alimenta...
Entra à mente e jamais bate na porta...
Minh’alma poética, atua porque gosta,
Sempre que registro a verdade isenta...

Em quatro estrofes e versos limitados,
Exalam feito flores, perfumes e beleza,
Que dão à poesia, dimensão e realeza...

A luz que sou parte, quando moldado,
Dá vida ao estilo portador de nobreza,
Tal filho da arte destinado a grandeza...

                   Para o texto:
Papel, caneta, mesa e mocho (T5740078)
                    De: JRPalacio
...................................................................

     ALEGRIA E FELICIDADE

Dum mar de amor, somos no horizonte,
A luz percebida, por quem ama alguém.
Somos a referência, pra quem vai além.
Buscando alentos, que na dor, esconde.

Somos as marés, que avançam silentes
Sobre apaixonados, que sequer sabiam.
Só quando afogados em grande euforia,
Vêem novas cores no mesmo ambiente.

Somos abstratos em mentes incrédulas,
Concretos e moldáveis na visão poética,
Como se das luzes, sua origem estética.

Pensam nos ter os que adoram cédulas,
E lindam conosco, duma forma patética.
Somos pra boa vida, energias cinéticas.

                        (Reedição)

                      Para o texto:
          Volta felicidade! (T5787592)

..................................................................

          MEU SONHO MUDOU

Eu sonhei ser agrônomo até os vinte,
Mas as telecomunicações invadiram
Minha mente e a vida, que resistiram,
Não o bastante, nos passo seguintes...

Do campo pra cidade, nada sobraria...
Em vez da escola, peguei no batente,
Troquei meu sonho, e corri em frente...
Sem diploma, rendi-me à engenharia...

Comecei ver o futuro do aposentado,
Planejando a sorte e gozando a vida,
Dedicando tempo, pra arte preferida...

A literatura, que me faz tão realizado,
Minha verdadeira sina antes preterida,
Mudou meu sonho, sem ser esquecida...

                       (Reedição)

                 Para o texto:
          Sonho meu (T5971230)
             De: JRPalacio
Enviado por Jacó Filho em 21/04/2019

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras