Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios

Naturalmente Mulher - Mestre Jacó Filho
Data: 10/03/2019
Créditos:
Jacó Filho


Naturalmente Mulher - Mestre Jacó Filho
https://www.recantodasletras.com.br/poesias/6593489
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

NATURALMENTE MULHER e + interações com a mestra Mary Jun
         NATURALMENTE MULHER

Perde-se nos sonhos, e os torna, reais,
Fundados num amor que no peito, flui...
Não importa a dor, se em luz contribui,
Quando ver um filho sobrepondo ideais...

Só por milagre essa devoção se explica,
Porém um sorriso da criança, lhe basta,
A cópia de Maria, que queremos, casta...
Mas quando se olha, o desejo multiplica...

Essa beleza natural que na mente, fica,
Provoca as paixões sublimando o pudor,
E cria esperança, que vislumbre o amor,

Por tantas vidas quantas Deus, permita,
Será sempre razão, desse nosso fervor,
Pela alma gêmea que Deus nos destinou...

                    (Reedição)
                Meus Parabéns!
Pra você e Para todas as mulheres do mundo...
E que Deus as abençoe e as ilumine... Sempre...
                  Para o texto:
         Ah, mulher (T6592687)

.......................................................................

Fotografei
      a
         super
              lua,
                   linda
                       Nua...

         Para o texto:
Aldravias n° 16 (T6579243)

.....................................................

Desde
     Os
        Quarenta
             Saudade
                 Virou
                       Tormenta...

             Para o texto:
Aldravias n° 18 (T6579301)

.....................................................

        Vão no tempo e ao vento,
As lembranças de nós dois,
Mas eu guardo pra depois,
   Os mais nobres sentimentos...

           Para o texto:
      Pedra (T6583124)

......................................................

         Deixe que a dor refine,
Pras coisas valer a pena.
   Seja o centro da cena,
       Diga pr'alma: se atine!

           Para o texto:
A vida agora... (T6583849)

.....................................................

Negar Deus com atos ímpios,
Pra na dor, suprir poderes,
Com vidas de outros seres,
Nos tornam brutos e cínicos...

         Para o texto:
Festa da carne (T6589390)
    De: Mary Jun
Enviado por Jacó Filho em 09/03/2019

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras