Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios

Interações VII - Dias e noites de amor, sem fim..
Data: 28/11/2017
Créditos:
Interações VII - Dias e noites de amor, sem fim...

Poetisas e Poetas RL direitos e créditos reservados aos autores
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poetisas e Poetas RL direitos e créditos reservados aos autores). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Interações VI - Dias e noites de amor, sem fim...
Interaja se curtir, o tema e livre, dias e noites de amor, sem fim...
Apenas titulo meu . Vale o teu pensar e a sua manifestação Amor.
 Poesia, Poetrês, Poetrix, Trova , quarteto... 
ou pensamento, rimados ou não.
Apenas sua expresao seu amor e paixão.
Bem-Vindos!





Quero sonhar de madrugada 
Com teus beijos adocicados
 Em noite enluarada...
 Nestes lábios tão cálidos

   
ChicoMesquita


____________________________

 


Nem sempre as coisas saem,
tais em mente detalhamos. 
Realidades as atraem, 
e nós apenas choramos.


   Jacó Filho

____________________________



Vou te fazer subir ao céu

 Ver estrelas de pertinho
 Desvendar o teu lindo véu
 Te dar e receber carinho.


   ChicoMesquita

____________________________

 
SOU TUA

Meu desejo é o teu amor
Sem me fazeres chorar
Não quero mais ter a dor
Sou tua, quero o teu amar

   
Naty Esteves

____________________________



São noites inesquecíveis 
Amor contigo na chuva 
Corpos molhadas sensíveis 
Sorve-me como suco de uva .
 
   
Cleir

____________________________


 Companheiro do Vento 
 
Por que com o vento erras pelos caminhos?
(E ) te desligas das hastes da esperança...
Levando contigo em tantas andanças ...
Tudo o que te ofertei, o meu carinho?
 
E te perdes em sentires mesquinhos
Se certo é que a balbúrdia engana e cansa?
Por que te esqueces nossas belas lembranças
E não voltas desses teus descaminhos?!
 
Ah, se souberas do meu peito a dor
De saber-te assim sem mim e perdido!
Não lamentavas a falta do amor!
 
Que aqui te espera coração rendido
Beijos, perdão , ternuras e dulçor
Pra que sintas quão bom voltar terá sido!

   
Esther Lessa

____________________________


Um carinho meu a amiga  Amoravista

 
Ela pediu poesia de amor hoje, ó tinha poesia triste!
(Linda poesia de dor, falta a de um amor!)



Amo-te com todas forças ao alto e profundo 
Que minha alma alcança quando é transportada
    Sinto me alongando os olhos do mundo 
     A fins do ser tua graça entre sonhada.
                 Judd Marriott Mendes


____________________________



Poucos leem e não entendem
Os versos que tomam forma
E são escritos nas normas
Que os poetas defendem...


    Jacó Filho

____________________________





 Angustia
 

A aflição me embriaga... meu céu se enegrece 
Ao mar deitei o sonho de te encontrar
Aturdida quero à vida me agarrar 
Sem carinho... de ti Minh ‘alma carece
 
Ao fundo poço este meu ser já desce
Desesperada...mi ‘a sina a lamentar
Vejo que nada há mais a me restar
Senão buscar socorro (em) fervor de prece. 
 
Neste meu mundo... de dor um turbilhão
No meu sentir ... de angústia um emaranhado
E tudo em mim...um sofrer do coração.
 
Trevas escondem meu olhar cansado
Nos meus ouvidos nenhuma suave canção
Senhor! Socorre este ente desgraçado!

     Esther Lessa
 
____________________________




 MULHER SEDUTORA 
 
Mãos que serpenteiam pontos fracos
Ultimando os hormônios masculinos
Ligarem-se no prazer de seus afagos
Honrando o membro como ser divino.
 
Entregando a alma num tipo de trato
Rendido sem luta aos dotes femininos
Sabendo que sofre tão doces desatinos
Entregue a sedução perde a identidade.
 
Duvida da força contra a oportunidade
Urgindo do encanto, que lhe possuindo
Toma a sua alma com nobre autoridade.
 
Ornada em contornos, que ela, exibindo
Relaxa e descontrola pela proximidade
Arguindo a entrega que vai conseguindo.

   Jacó Filho

____________________________





O Teu cheiro

 
Preso pelo olfato, como se faz com garrote,
Tomou-me teu cheiro, dominando a mente.
Quase não percebi, foi tudo tão de repente,
Que até me assustei ao beijá-la no cangote.

Assumiu meu controle, teu perfume natural.
Numa espécie de transe, cai em teus braços.
Como se fosse um jardim aquele teu abraço.
Nunca vivi uma hipnose com esse potencial.

Não ver o tempo passar, ou sentir a loucura,
Foi o melhor efeito que teu cheiro provocou.
Perdi a noção de tudo, só teu perfume ficou.

Dizer que te amo, não é uma decisão segura,
Esse feitiço é novo e desconheço aonde vou.
Mas se o cheiro não passar, tua hora chegou

   Jacó Filho


____________________________



 
 A ausência nevoa, embaça o olhar,
 mareia o corpo, baralha o pensar...
Volta, traga-me tua luz.
 
A presença é azular, o olhar alegra,
o corpo projeta o pensar ilumina...
Volta, traga-me tua luz, teu sol, teu luar...

     
Escreverati De Luca

____________________________




Vida sem arte  - Aila Brito

Porquanto sobre nós pairava a arte 
E em cítaras, os sonhos embalavam 
Um amor blue, consagrava-se, destarte  
Dois corações, em festa, consagravam!

Mas em nós se perdeu a melhor parte 
Loucuras de amor, não mais celebravam
Os meus anseios, na ilusão de amar-te
E ao léu, todos os sonhos, balouçavam.


Reflexos que a vida reservou 
Dos erros que plantamos em nosso amor 
Com o ciúme invadindo nossas vidas...

E as feridas na alma, se encrustando
Pelas brigas; e as lágrimas rolando 
No chão, despetalando margaridas.


              
Aila Brito

          ____________________________



Divido um carinho poético da Poetisa Esther neste Soneto



 Para Judd, com carinho

 Com jeito de malícia eloquente
 Tu te deleitas assim no amo
E dás à vida tanto sabor
E tocas o coração da gente.

Há loucura, há paixão e não mentes
No carinho pões intensa cor 
Estar contigo é não ter temor
Em ti está a poesia fervente.

 Com tanto a dizer, precisa rima?
 Tens da vida o encanto e a magia 
 E da doçura és matéria-prima 
 Quero saber-te em eterna alegria.

E ver-te das dores longe e acima. 
 N' meu sonho estás... e eu na tua poesia! 

 Esther Lessa 
____________________________



Interações VI - Dias e noites de amor, sem fim..

Interações V - Dias e noites de amor, sem fim...

Interações IV - Dias e noites de amor, sem fim...
 
Interações III - Dias e noites de amor, sem fim...

Interações II - Dias e noites de amor, sem fim...

Interações I - Dias e noites de amor, sem fim...


____________________________

 
 Interações são bem vindas e serão publicadas com amor, não importa o tema,  salvaguardo copyleft ¹,  copyrights©
créditos  e direitos são Reservados aos autores com registro
em nome dos próprios autores
, por  processo eletrônico.
 EDA  e licença Creative Commons. 


   
O titulo da sala é fixo e não sugestivo.
Enviado por Judd Marriott Mendes em 27/11/2017

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poetisas e Poetas RL direitos e créditos reservados aos autores). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras