Judd Marriott Mendes in Versus

O Sagrado que habita em mim, ama o Sagrado que habita em ti ...

Áudios

Outros olhos - Poesia narrada e letra
Data: 25/08/2017
Créditos:
Outros Olhos - Poesia narrada e letra
AD
Narração: Luiz Coimbra Mendes
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (AD. - Créditos narração: Luiz Coimbra Mendes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

OUTROS OLHOS
OUTROS OLHOS

Moram em mim
outros olhos que me vêem.
Neles existo e não me enxergo.
Tenho os olhos de um animal,
arisco e selvagem.
Farejo minhas vontades,
sacio minha sede
nos rios que correm em outros corpos.
Todos únicos sem serem um;
verdadeiros sem serem reais.
Tenho os olhos do pecado que não existe,
e escorrem por eles
lágrimas do sangue da minha culpa.
Tenho os olhos de versos.
Olhos de alma
que mostram meu coração de vidro,
tão pequeno e frágil,
que brilha e lacera em meu peito
inúmeras feridas
da onde brotam palavras vazias,
palavras vãs,
que eu nunca conseguirei entender.

AD.
Interação e Narração: Luiz Coimbra Mendes
Enviado por STILETTO by JUDD em 25/08/2017

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (AD. - Créditos narração: Luiz Coimbra Mendes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras